Dores na região genital, perineal e retal

Por: Amanda Bassualdo Martinez

Fisioterapeuta / CREFITO-F 10/273054

A postura sentada geralmente é adotada no local de trabalho, levando as pessoas a permanecerem por muito tempo nessa posição. Além das alterações posturais, dor lombar, encurtamento da musculatura posterior, essa posição pode desencadear a compressão do nervo pudendo.
“Preocupa-se muito com problemas osteomusculares e não se dá a devida importância para os demais problemas que o fato de ficar muito tempo sentado, pode ocasionar”

A Neuralgia do Nervo Pudendo constitui de uma dor causada pela compressão do mesmo, podendo gerar inicialmente dor em queimação e às vezes precedida de dormência ou choques na região pélvica, região genital, perineal e região retal.

Essa dor pode gerar alterações na evacuação, na relação sexual e na ejaculação.
Também pode causar urgência miccional (urgência para urinar) ou até mesmo incontinência urinária (perda de urina).

Para minimizar os riscos de desencadear a compressão do nervo pudendo, recursos ergonômicos devem ser instituídos, principalmente a alternância entre a postura sentada e em pé.

Amanda Bassualdo Martinez, formada em Fisioterapia pela Universidade Regional de Blumenau, pós-graduada em Fisioterapia Pélvica Internacional (Uroginecologia e Sexualidade Funcional) pela Faculdade Inspirar, Curitiba. Possui como formação complementar: Upgrade das disfunções pélvicas adultas; Workshop Internacional em Diagnóstico e Tratamento de Prolapsos. Fora da área pélvica possui formação completa em Pilates, experiência com geriatria e gerontologia, e equoterapia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazio!Volte as compras